Febre Amarela: Cuidados e Prevenção

17 de janeiro de 2023
Compartilhe:

A única forma de evitar a febre amarela é a vacinação. É administrada em dose única a partir dos 9 meses de idade e é válida por 10 anos. Deve ser aplicada 10 dias antes de viagens para as áreas de risco de transmissão da doença. Além da vacinação, temos algumas dicas para te ajudar e evitar isso!

Saiba o que é a Febre Amarela

A febre amarela é uma doença infecciosa causada por um vírus transmitido por mosquitos. Em casos graves, pode causar insuficiência hepática e até mesmo levar à morte. A vacinação é a forma mais eficaz de prevenir a doença.

É mais comum em áreas rurais e florestais da América Latina e da África. Países como Brasil, Colômbia, Peru e Bolívia são considerados de alto risco para a transmissão da doença. A febre amarela também é endêmica em algumas áreas urbanas desses países, especialmente em áreas de transição entre zonas urbanas e rurais. A doença também é endêmica em alguns países da África, como Angola, Guiné, Libéria e Serra Leoa.

É importante notar que, como a febre amarela é transmitida por mosquitos, a transmissão pode ocorrer em outras áreas onde os mosquitos transmissores estão presentes, especialmente com a mudança climática e o aumento do comércio internacional e do turismo, a transmissão da doença pode ocorrer em outras áreas do mundo. É importante que os viajantes estejam informados sobre os riscos de transmissão e tomem medidas para se protegerem contra a doença, incluindo vacinação e medidas de proteção contra mosquitos.

Os sintomas são:

Os sintomas da febre amarela incluem:

  • Febre elevada
  • Dor de cabeça intensa
  • Náusea
  • Vômito
  • Mal-estar geral
  • Fraqueza
  • Perda de apetite
  • Dor muscular e nas articulações
  • Icterícia (pele e olhos amarelados)
  • Dor abdominal
  • Dor na região lombar.

Alguns indivíduos podem não apresentar sintomas ou os sintomas podem ser leves, no entanto, em casos mais graves, a doença pode causar insuficiência hepática, insuficiência renal e até mesmo levar à morte.

Como se prevenir

A vacinação é a forma mais eficaz de prevenir a febre amarela. A vacinação é recomendada para pessoas que vivem ou viajam para áreas com risco de transmissão da doença, incluindo algumas áreas urbanas e rurais da América Latina e África. A vacinação também é recomendada para viajantes que vão para áreas de risco, incluindo áreas de transição entre zonas urbanas e rurais.

Além da vacinação, outras medidas para se proteger contra a febre amarela incluem:

  • evite exposição ao mosquito transmissor, principalmente durante as horas de atividade dos mosquitos (pela manhã e ao entardecer)
  • use repelentes de insetos
  • use roupas que cubram o corpo
  • use mosquiteiros, principalmente durante a noite
  • limpe ou elimine qualquer recipiente que possa acumular água, pois isso é um ambiente propício para reprodução dos mosquitos

É importante lembrar que a febre amarela tem um período de incubação de 3 a 6 dias, então se você estiver em uma área com risco de transmissão e desenvolver sintomas, procure atendimento médico imediatamente.

Existe vacina para a Febre Amarela!

A vacina contra a febre amarela é uma vacina viva atenuada que é administrada por via subcutânea (abaixo da pele). A vacina é segura e eficaz e é recomendada para pessoas de 9 meses de idade ou mais, especialmente para aqueles que vivem ou viajam para áreas com risco de transmissão da doença. A vacinação geralmente é feita uma vez e fornece proteção por pelo menos 10 anos, no entanto, algumas pessoas podem precisar de uma dose de reforço a cada 10 anos, dependendo da situação epidemiológica da região.

É importante notar que, algumas pessoas não devem ser vacinadas, como pessoas com histórico de reação alérgica a ovo ou a qualquer componente da vacina, ou pessoas com sistema imunológico comprometido. É importante discutir com seu médico se a vacinação é indicada para você e se há qualquer risco ou restrição.

Cuidados para não piorar

Se você foi diagnosticado com febre amarela, é importante seguir as instruções de seu médico e seguir as medidas de cuidado adequadas. Algumas dicas incluem:

  • Repouso: é importante descansar e evitar atividades que exijam esforço físico.
  • Hidratação: é importante beber muita água para evitar desidratação e ajudar a aliviar os sintomas.
  • Medicamentos: seu médico pode prescrever medicamentos para aliviar os sintomas, como dor de cabeça, dor muscular e febre.
  • Evite bebidas alcoólicas e fumar: essas atividades podem afetar negativamente o fígado e outros órgãos afetados pela doença.
  • Acompanhamento médico: é importante continuar seguindo as instruções de seu médico e seguir as recomendações de acompanhamento, especialmente se você estiver em um estado grave.
  • Seguir as orientações de prevenção de transmissão: evitar contato próximo com outras pessoas, especialmente aqueles que são mais vulneráveis, como crianças, idosos e pessoas com sistemas imunológicos comprometidos, até que você esteja completamente recuperado.

É importante lembrar que a febre amarela pode ser grave e, em alguns casos, pode levar à morte, então é importante procurar atendimento médico imediatamente se você suspeitar que tenha a doença.

Redação BuscaVacinas
Redação BuscaVacinas

Falamos sobre Vacinação, Dicas de Cuidados com seus Pequenos e Informações utéis para o dia a dia de mamães e papais.

Receba em primeira mão ofertas e informações sobre vacinas para bebês e esquemas vacinais de todas as idades!

    Para otimizar sua experiência durante a navegação, fazemos uso de nossa Política de Privacidade. Para proteger seus dados pessoais respeitamos nossa Política de Privacidade. Ao seguir com a navegação e visita, você concorda com nossas Políticas.